Rio de Janeiro, 19ª parte

Nesta postagem, mostro mais fotos do Shopping Downtown, que é um dos meus shoppings preferidos do Rio por contar com um grande espaço ao ar livre, além de lojas e excelentes restaurantes. Lá fomos conferir o Restaurante Galli, que abriu no início de 2012 (nota de atualização: O Galli do Shopping Downtown fechou, mas há em outros lugares). Depois, mostro também uma região da Barra da Tijuca, a Avenida Olegário Maciel, que também oferece bons restaurantes, sendo, portanto, uma ótima opção tanto para a tarde quanto para a night. E, por fim, uma novíssima área de lazer que está conquistando moradores de Madureira e redondezas: o Parque Madureira.  


Nota de atualização: Acrescentei a esta postagem fotos do Parque das Rosas, que, assim com a Av. Olegário Maciel, também situa-se na Barra da Tijuca e é uma outra opção para os amigos se encontrarem para o almoço ou a janta em um de seus restaurantes. Nos dias de jogo, o espaço fica bem cheio e animado.



O Restaurante Galli, no Shopping Downtown, é atualmente um dos melhores restaurantes desse shopping. O espaço é muito agradável, os garçons são muito atenciosos e a comida é muito boa. Esta foi a nossa segunda vez aqui e fomos comemorar o aniversário da minha mãe. Ficamos muito satisfeitos. E não é um restaurante muito caro comparado com outros com serviço e estilo semelhantes. (Nota de atualização: Como falei acima, o Galli do Shopping Downtown fechou.) 

O Restaurante Galli tem uma varanda muito simpática também. Recomendo!


Outra coisa boa do Shopping Downtown é que ele nunca está cheio como vários outros, onde, às vezes, você nem consegue ver uma vitrine direito. Aqui sempre há muitos bancos para a família se sentar, peixinhos nos lagos para as crianças apreciarem, lojas, etc. 

Outras fotos do Shopping Downtown em outro dia de passeio.

As charmosas pontes e o lago com muitos peixes no Shopping Downtown.

As lojas do Downtown, um shopping a céu aberto.

Shopping Downtown.

Lojas e restaurantes no Shopping Downtown.

Shopping Downtown.


Ainda na Barra da Tijuca, uma outra opção para o seu almoço, happy hour ou janta é a Avenida Olegário Maciel. Nos fins de semana à noite, ela fica bem cheia e animada. Hoje nós fomos ao Restaurante Na Brasa Columbia, do qual já éramos fãs. Existe em outros bairros também, mas este daqui, da Av. Lúcio Costa com Olegário Maciel (de frente para a praia), foi a primeira vez que experimentamos. Não tem quem não conheça e goste do frango de lá. O único problema é que o Na Brasa Columbia da Barra é um pouco pequeno e, por isso, está sempre cheio nos finais de semana. Então, se não chegar cedo, terá de ficar em fila de espera.

Mas a espera compensa, pois nada mal estar de frente para a praia. E, se não quiser almoçar, uma cervejinha com uns petiscos num desses quiosques da Praia da Barra já vão dar um sabor especial ao seu dia.  

Se não quiser ficar na Brasa Columbia, é só seguir pela Av. Olegário Maciel, onde você encontrará diversas opções de restaurantes, lanchonetes e bares. E, como falei acima, essa avenida fica bem animada à noite, nos finais de semana, sendo um dos points do Rio.

Ainda não experimentamos o Restaurante Gallo Carioca, na Olegário Maciel. Mas só de olhar, dá vontade de entrar!


Os restaurantes desta foto já fazem parte de uma outra região da Barra da Tijuca, numa rua ao lado do Shopping Barra Square e bem perto do Shopping VillageMall. São os restaurantes do Parque das Rosas, que faz parte de um condomínio, mas é aberto ao público em geral. O local é animado principalmente nas noites de fins de semana e em dias de jogo de futebol. Os restaurantes que aparecem na foto são os maiores, mas atrás deles há outros. E bem próximo do Parque das Rosas, há também uma casa do Pizza Hut, pizzaria que eu particularmente adoro. Ou seja, ficar por esta região é uma boa diversão, pois você ainda pode emendar o passeio com um dos shopping centers. 



Este restaurante é o Rosa Chopp do Parque das Rosas, uma boa opção para petiscos ou almoço. Na varanda, os clientes assistem aos jogos nos televisores.



Ao lado do Rosa Chopp, há o Zom Bar, que também é ótimo para um papo com os amigos acompanhado de uma bebida geladinha e uma boa comida.



Agora, vamos mudar de bairro e falar de outro que ainda não tinha ganhado nem uma notinha no meu blog: Madureira. Não é um bairro turístico, mas seu novo parque tem atraído alguns turistas, sim! E os moradores de lá estão gostando demais desse parque! 

O Parque Madureira é bem grande mesmo e fica ao lado do Madureira Shopping (o shopping é legal, mas fica muito cheio no sábado; nem conseguimos estacionar no shopping, mas deixamos o carro em um estacionamento pago bem ao lado da entrada do parque). O parque é bem policiado (tomara que continue sempre assim), tem vários banheiros e diferentes espaços de entretenimento. Aqui, por exemplo, é a Praça do Samba.

O palco da Praça do Samba.  Ah, atenção a um aviso sobre o Parque Madureira que consta no site oficial de Madureira: "Segunda-feira não abre" (informação vista em setembro de 2012).

Há muitos quiosques, mesas e cadeiras para você tomar um suco e comer uns petiscos no Parque Madureira.


Muito espaço para as crianças correrem!

E brinquedos para a alegria da criançada!

Você pode percorrer a região de triciclo (veja à direita), pois o parque é grandinho mesmo.

O Parque Madureira tem espaço também para exercícios físicos para os jovens e para a melhor idade.

Conforme você vai andando no Parque Madureira, você vai descobrindo novos cenários bem atraentes, como este aqui!


Mas o cenário que mais vai lhe chamar a atenção é este aqui, onde a criançada se esbalda tomando banho nessa cascata. O mais legal do Parque Madureira é que toda a família pode se divertir sem gastar um centavo! 

Este pedaço do Parque Madureira lembra uma praia. As pessoas "mergulham" na água ou descansam na areia.


E os pais ficam na areia ou no gramado vendo seus filhos tomando banho e se divertindo. Muitos fazem piquenique nesse gramado, apesar do lugar ser pequeno.


Andando um pouco mais adiante, você encontra a pista de skate que, segundo os entendidos, é excelente!


E quem não anda de skate fica só observando as manobras dos skatistas. E nós andamos só até aqui, desde a entrada do parque, o que já é uma boa caminhada. Não vimos o que ainda tinha pela frente, pois já nos demos por satisfeitos e, como disse, o Parque Madureira é bem grande. Passamos, inclusive, pela Praça do Conhecimento, mas não entramos na atração porque tinha fila. Veja mais informações sobre o parque neste site.  Eu gostei muito de ter conhecido o Parque Madureira, mas o problema é que fica um pouco longe de onde eu moro e para chegar lá pegamos o maior engarrafamento. Na minha opinião, é uma área de lazer mais interessante para as famílias que moram nas redondezas. Mas quem gosta do Rio, como eu, não pode deixar de, pelo menos, ir lá conhecer e prestigiar essa importante obra da cidade. É isso aí! Madureira está com tudo! Ganhou cenas na novela da Globo (Avenida Brasil), melodia na voz de Arlindo Cruz, com a canção O Meu Lugar, e um espaço no coração do bairro e dos cariocas! Madureiraaa lá laiá... 


Nenhum comentário: